segunda-feira, 4 de maio de 2009

Passa Giro




Brasília
Brazela

Na rua Na rua
Parece Parece
T u d o T u d o
=igual igual=

Só Passa gero
passa no giro
Sou passageiro
na viagem piro
Indo, Ando
Vindo, Voltando

O rumo é certo e(reto)
Destino semprersseguido
as vezes incerto perdido
as vezes esperto concreto.

7 comentários:

P. Matheus disse...

Foto: Paulo Lacerda

Evelyn Fleming disse...

Adorei seu blog! vou te linkar, posso?

Matheus Tafuri disse...

coléee Polegar

To no blog agorz!!

me visite em caso de dúvida hehe

sobre a foto:

Brasilia, Brasólia
Olha
O calango queimando na lage

looombra, adorei a foto!

é nóis

Gabyh Banki disse...

mt fofo o modo como brinca com as palavras. invadi, gostei :D

;*

Patrícia Del Rey disse...

Esperto concreto:

entre,
entre por favor
entre blocos
entre quadras
entre
entre por favor...

Suas palavras me lembram Nicolas Behr! Saudade...

L. G. Alves disse...

muito boa!!concreta e esperta!!
e essaa foto?! ta muuito brasilia!!

continue postando...

valeu

Cynthia Lopes disse...

Já morei por aí e, de vez em quando tenho que viajar por conta do meu trabalho. Posso ser sincera? Eis uma contradição da qual eu não gosto. Acho que minha mente possui muitas curvas...
Mas o poema tá muito bom.
bjs